Farol de Led é permitido?

E aí, você sabe se pode ou não?

 

Existem muitas dúvidas a cerca deste assunto, não é?
Um fato importante é que as econômicas e extremamente duráveis Lâmpadas de Led automotivas possuem inúmeras vantagens, e mesmo possuindo um custo mais elevado acabam sendo atrativas por seus adjetivos, que incluem a estética e a funcionalidade.

Sua popularidade, no entanto, trouxe essa dúvida a tona, ao qual responderemos agora: Há diversos modelos de faróis para automóveis como luz branca, xênon, LED e outros. É exatamente por isso que existem dúvidas, pois, a legislação muda para cada uma delas, o xênon, por exemplo, é proibido, a não ser que venha de fábrica.

Vamos ver o que a lei diz sobre a iluminação de LED através da Resolução 292 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito):

“Art. 4º Quando houver modificação exigir-se-á realização de inspeção de segurança veicular para emissão do Certificado de Segurança Veicular – CSV, conforme regulamentação específica do Inmetro, expedido por Instituição Técnica Licenciada pelo DENATRAN, respeitadas as disposições constantes na tabela do Anexo desta Resolução.”

De acordo com a legislação, sim, instalar farol de LED no carro é legal desde que se cumpram alguns requisitos: o equipamento deve estar dentro das regras do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), seguindo todas as recomendações de temperatura e coloração.

Você deve ter reparado que a resolução 292 acima ainda menciona o Certificado de Segurança Veicular (CRV).

Isso significa que, para fazer esse tipo de modificação, é necessário solicitar uma autorização do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) e atualizar o CRV.

Além de arcar com o custo da instalação do farol de LED, é importante considerar esse procedimento no Detran que é pago. A taxa varia de estado para estado, podendo ser consultada no portal do órgão.

Add comment